Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Escrever ou não escrever, eis a questão


Eu perdi a textura do texto. Eu perdi o gosto que ficava meus lábios quando minha boca tocava o papel escrito. Já não sei mais se me chamo escritora ou idiota que escreve besteira. Por tempos achei que escrever era um dom, mas não. Eu escrevo agora apenas pra preencher essas linhas em branco com qualquer coisa que vem na minha cabeça. Mas, afinal, eu estou escrevendo. A gente tem mesmo é que soltar os dedos e desatar a escrever, sem saber o porque. Esse deve ser o texto mais sem sentido que já escrevi na minha vida. Mas, tá ai. Esse texto pode não ter sentido algum, mas ainda sei que qualquer palavra que escreva é pra você, meu bem.

Um comentário:

comente aqui