Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Tchau.

E em nenhum momento eu falei nada. Revidei quando não aguentava. Estou feliz com a minha vidinha. Me deixem em paz. Não quero tomar satisfações, saber quem disse, saber de quem disse. Foda-se. Esse não é sempre o meu lema? Tá na hora de todo mundo seguir seu rumo, sem olhar pra trás. E eu só levo o que se tem de levar, mais nada.


Olhe dentro de você e pergunte: estupidez, masoquismo ou medo de viver de verdade?


Olha, eu tô tentando levar, tô tentando ser legal e não desistir, não mandar todo mundo se foder, porque eu sei o que eu passei, só eu sei o quanto dói ainda estar sorrindo e o quanto eu queria estar em outro lugar nesse momento. Pra ser sincera eu tô tentando não chorar, tô mesmo tentando acreditar que as coisas vão dar certo, então menos hipocrisia com a minha cara, porque ninguém nunca vai saber o que eu sinto realmente, nem eu sei direito.

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Você tá perdendo seu melhor dia fazendo nada, olhando nesse espelho alguém que você desconhece. Faz do seu corpo um brinquedo. Nessa vida toda sentada, cansada de sofrer e que insiste em ser nada pros outros. Porque, no fundo, você sabe. Quando tem fome, come doce. Engana a todos, até o próprio corpo. Sente uma falta antecipada de coisas que ainda nem vieram. Conta por aí que o final feliz de todos só ficou no papel, que felicidade funciona melhor na teoria. Mente que nem sente. Vive ruim que até dói. Que mania de querer ser mulher quando ainda não é. Não se preocupa em ir embora, mas sim em sair dos outros, pois adora essa vida de momentos. E vive assim, doendo, manca, torta, pois detesta a angustia de ser feliz.

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Ser mais um.

Dias tão iguais, pensamentos tão confusos,
Vida inteira de abusos,
Não dá mais pra ser igual,
e fazer o que eles querem
Fazer tudo que lhe pedem,
Não dá mais pra ser banal.
Faço o que quiser fazer,
Diga o que quiser dizer,
Não seja mais um.
Que não vai a lugar nenhum.
Faça o que quiser fazer
Diga o que quiser dizer
Então faça como alguns,
Que não são mais um.

domingo, 17 de abril de 2011



Se algum dia você se encontrar preso bem no meio do mar, eu velejarei pelo mundo todo para te encontrar. Se algum dia você se encontrar perdido na escuridão, e não puder ver,  eu serei a luz a te guiar. Descubra do que somos feitos, do que nos chamam para ajudar nossos amigos. Você pode contar comigo como 1, 2, 3, eu estarei lá e sei que quando eu precisar, posso contar com você como 4, 3, 2, e você estará lá. Porque é isso que os amigos devem fazer. Você pode contar comigo porque eu posso contar com você. Se você estiver se sacudindo e se virando e você simplesmente não consegue adormecer, eu vou cantar uma canção ao seu lado e se você esquecer o quanto você significa para mim. Todos os dias eu vou lembrá-lo. Descubra do que somos feitos, quando somos chamados para ajudar nossos amigos em necessidade. Você sempre terá o meu ombro, quando você chorar. Eu nunca vou te deixar, nunca diga adeus.

Levante-se!


Diga não ao preconceito.

Blair Waldorf - Roupas, Acessórios, Atitudes.




Como primeiro post, vou puxar um pouco para o meu gosto. Uma das minhas divas, Blair Waldorf. Quando se pensa em poder, beleza, bom gosto com roupas, pode ter certeza que se deve pensar em Blair. A vilãzinha mimada do Upper East Side da série Gossip Girl, que é interpretada pela atriz e também cantora, Leighton Meester. 
O estilo dela é algo que chama mais para o sofisticado. Ou seja, sem jeans! Chega até a ser patricinha, mas, ainda assim, linda.
Blair, sempre abusa de vestidos, saias vintages, meia-calças, e salto.






Seus vestidos de festa, ou mesmo para um passeio por Paris são magníficos. Consegue combinar cores e estampas com perfeição.


E para terminar, não podíamos esquecer a marca de Blair Waldorf, as tiaras e acessórios de cabelos em geral.


A sua personalidade na série tem uma atitude de invejar. Sempre quando quer algo, vai até o fim, até conseguir. Sempre que mexem com seus amigos, pode ter certeza, cabeças irão rolar. Uma personalidade que convenhamos, todo mundo queria ter, mas, nem todos podem. 

Galera, tá aí, o primeiro post da mudança de assunto. Espero que gostem, beijos.

"Se você quer muito algo, você não pára por nada, nem por ninguém." (Blair Waldorf)


Mudando de Assunto

Esse dias tenho pensado em mudar, algumas vezes, o rumo do blog. As pessoas cansam de escutar só os nossos problemas. Que tal então, eu dar pra vocês soluções? Estou pensando em colocar dicas de moda, de música, de filmes. Espero que gostem,

Beijos, Jessica Torres.


É melhor você ter uma mulher engraçada do que linda, que sempre te acompanha nas festas, adora uma cerveja, gosta de futebol, prefere andar de chinelo e vestidinho, ou então calça jeans desbotada e camiseta básica, faz academia quando dá, come carne, é simpática, não liga pra grana, só quer uma vida tranqüila e saudável, é desencanada e adora dar risada.
Do que ter uma mulher perfeitinha, que não curte nada, se veste feito um manequim de vitrine, nunca toma porre e só sabe contar até quinze, que é até onde chega a sequência de bíceps e tríceps.
Legal mesmo é mulher de verdade. E daí se ela tem celulite?
O senso de humor compensa. Pode ter uns quilinhos a mais, mas é uma ótima companheira. Pode até ser meio mal educada quando você larga a cueca no meio da sala, mas e daí? Porque celulite, gordurinhas e desorganização têm solução. Mas ainda não criaram um remédio pra futilidade!

sábado, 16 de abril de 2011



Tá difícil, tô triste, tô magoada, tá foda, tá tudo estranho. Mas, tô de pé.

quinta-feira, 14 de abril de 2011

As pessoas estão tão acostumadas a ouvir mentiras, que sinceridade demais choca e faz com que você pareça arrogante.

Interpretações erradas

Não quero atingir você. Se palavras minhas te atingem, como você mesmo diz, a carapuça te serve. Mas, as palavras é só pra expressar o sentimento de frustração no meu peito, ignore-as. Na verdade, há tempos cansei desse joguinho de fingir que não me importo. Afinal, não olhar pra você ao atravessar é só o meu jeito de dizer que estou cansada, arruinada, destruída. Porque me sinto mais do que qualquer coisa, traída. Se empino o nariz, é só pra transformar a dor que eu teimo em sentir, em alguma esperança. Esperança de não lembrar de nada. Porque já não quero mais isso. Brigar, brigar, pra depois de algumas semanas, falar umas coisinhas bonitinhas aqui, outras acolá, e ficar de boa. Pra de tempos em tempos, voltar a mesma merda. E esse texto não é pra te fazer voltar, só pra te fazer entender as coisas que tu interpreta errado. Que sejas feliz. Com ou sem alguém. Que sejas feliz, mas, agora mais do que nunca, bem longe de mim.

Se algum dia eu encontrar você e eu não chamar teu nome, é porque ainda não aprendi a viver sem você na minha vida.

terça-feira, 12 de abril de 2011


Vocês, homens, não são de nada. Quando encontram uma mulher de verdade que fala o que pensa... Broxam.

Reflexo de si mesmo

- Olha pra você, gosta do que vê?
- Gosto, e muito. Eu nunca matei ninguém, nunca roubei ninguém, nunca me prostitui, nunca vendi coisas pra comprar drogas, nunca julguei as pessoas apenas pelo fato de não serem iguais a mim. Não gosto do jeito e estilo de certas pessoas, mas, é o meu gosto. Como cada um tem o seu. Nem Deus julgou, ou condenou seus assassinos, porque eu faria isso com pessoas que são diferentes do que sou? Continuando... Sempre que me pedem abrigo eu dou, com um abraço, um beijo; dou o meu jeito de ajudar, de cuidar. Mesmo que em várias vezes a pessoa tenha me feito chorar, lá estou eu, enxugando as lágrimas dela. Eu gosto sim dos meus amigos, dou a vida sim por eles. Minha família é meio chata, mas, qual familia não é chata pra uma adolescente? Eu os amo. Não posso mentir sobre isso. Fico do lado dos meus amigos, sempre. Errados, certos. Mentindo, falando a verdade. Sempre. E não me culpo pelos meus erros. A gente erra, ninguém é perfeito. Aprender com os erros é que é difícil, mas, a gente vai tentando... vai seguindo.
- Sabe de uma coisa?
- O quê?
- Até eu gostei do que tem dentro de você.

(Percebi isso numa conversa que tive, olhando de frente pro meu espelho.)

domingo, 10 de abril de 2011

sábado, 9 de abril de 2011

O coração dele não batia como o dos outros. De sangue quente e mente fria, ele só precisava se desligar disso tudo. Por dentro, doente… Sempre confiando em sua cura, não notou que o efeito era um veneno. Viciado, dopado, caído por amor. Caído por um amor que só lhe fazia mal. Mais feria que um animal selvagem. Rasgava sua mente desprotegida, cercada por um infinito poço de ilusões que tanto ofuscavam a opaca luz de suas ideias. Deixado no escuro, sem caminho, sem destino, sem futuro. Ninguém gritava por ele, ninguém estava por ele. Resistiu em seu mundo silencioso e vazio, desacreditou nas histórias de amor. Ainda matando-se aos poucos, entrega-se em meio aos gritos de dor.

Essa pessoa que você se tornou, já estava ai quando eu te conheci?

quinta-feira, 7 de abril de 2011

E você tem que aprender a ser forte sozinho. Ninguém pode ser forte por você.

It's over!

E que nada mais seja dito. Não quero mais ironias e palavras sujas. Não irei mais me importar se irá falar de mim, afinal, o que você fala, já é da sua conta. Cuido da minha vida, do jeito que quero, e ninguém tem nada a ver com isso. Esse é o fim. O ponto final. Não quero mágoas, nem nenhuma palavra mais. Acabou. Acabou.

terça-feira, 5 de abril de 2011

Melhores amigas não se chamam de “querida”, “bebê”, “best”. Melhores amigas gritam uma com a outra, chamam por xingamentos, dão bronca, e atendem o celular dizendo “que você quer agora?”.  Melhores amigas fazem noites do pijama com listinhas, brincadeiras idiotas, tratamento de beleza, brigas frequentes e depois dormem juntinhas com medo do filme de terror. Melhores amigas respeitam o gosto musical uma da outra de um jeitinho bem carinhoso, “noooossa, que brega, sua brega, vou te emprestar minha tamanca”. Melhores amigas falam a verdade e te fazem um curativo se a verdade doer. Melhores amigas perdoam os erros mais graves, mas fazem bico por uma semana, por puro ciúmes. Melhores amigas chamam o namorado da alheia de cunhado e tratam ele como se ele fosse uma delas. Melhores amigas se amam incondicionalmente, e continuam se amando mesmo quando uma, ou duas, delas se esquecem disso. Melhores amigas sempre vão estar ali, a qualquer hora do dia, seja qual for a ocasião, é só a outra gritar.

sábado, 2 de abril de 2011

Não me diga como devo ser, gosto do jeito que sou. Quem insiste em julgar os outros, sempre tem alguma coisa pra esconder.
Renato Russo
Nenhuma luta haverá jamais de me embrutecer, nenhum cotidiano será tão pesado a ponto de me esmagar, nenhuma carga me fará baixar a cabeça. Quero ser diferente, eu sou, e se não for, me farei.
Caio Fernando Abreu.

Bem, você pode dizer a Jesus, que a vadia voltou.
Do que eu sou, eu sei. Ando feliz. Mas, quase ninguém vê. Só vê quem importa, que anda por perto. Meu amor de tanto tempo sempre do meu lado, a irmã loira que me acompanha nas saídas, e aquelas outras pessoas que me vêem de quando em quando pra me dar um abraço forte. Fumo e não minto. Paro de vez em quando, volto quando quero. Bebo, não nego. Bebo contigo, bebo com aquele, bebo sozinha.
Do que eu digo, eu assumo. Do que eu vivo, eu assimilo. Do que eu não quero, jogo fora. Sou essa pessoa de dentro pra fora, que só vê quem tá perto. E o que os outros dizem são problema deles. Afinal, o que é meu, é meu.
Não vou dizer-lhe nada. Sempre tinha algo na minha cabeça de que não iria te escrever nada impuro.
Só vou te dar esse adeus rápido, e quase não dolorido. Já não tinha quase nada de amor mesmo. 
Que você seja feliz. Se puder. E mais uma coisa, não volte. Já decepcionou demais.
E não digo que não seguirei sem ti. Seguirei. E agora, mais do que nunca, sem o peso nas costas de olhar pra trás e esperar te ver lá. Você não vai estar mais. Nunca mais esteve.
Adeus.
'Algumas vezes eu fiz muito mal para pessoas que me amaram. Não é paranóia não. É verdade. Sou tão talvez neuroticamente individualista que, quando acontece de alguém parecer aos meus olhos uma ameaça a essa individualidade, fico imediatamente cheia de espinhos - e corto relacionamentos com a maior frieza, às vezes firo, sou agressiva e tal. É preciso acabar com esse medo de ser tocada lá no fundo. Ou é preciso que alguém me toque profundamente para acabar com isso.'




os que eu deixo tocar nunca são os certos. Decepções.
'A verdade é que me enchi, De você, de nós, da nossa situação sem pé nem cabeça. Não tem sentido continuarmos dessa maneira. Eu, nessa constante agonia o tempo todo imaginando como você vai estar. E você, numas horas doce, noutras me tratando como lixo. Não sou lixo. Tampouco quero a doçura dos culpados, artificial como aspartame. Fico pensando como chegamos a esse ponto. Não quero mais descobrir coisas sobre você, por piores ou melhores que possam ser.Assim, chega. Chega de brigas, de berros, de chutes nos móveis. Chega de climas, de choros, de silêncios abismais. Para quê, me diz? O que, afinal, eu ganho com isso? A companhia de uma pessoa amarga, que já nem quer mais estar ali, ao meu lado, mas em outro lugar?Sinceramente, abro mão. Vou atrás de um outro jeito de viver a minha vida, já que em qualquer situação diferente estarei lucrando. Bom, é isso. Se agora isso ainda me causa alguma tristeza, tudo bem. Não se expurga um câncer sem matar células inocentes.’